Notícias

Cinco tendências para o setor calçadista

Cinco tendências para o setor calçadista 23 SETEMBRO

Os desafios tecnológicos são diários para todos os segmentos. A indústria calçadista precisa estar atenta às tendências que definirão quem sobrevirá em um mundo cada dia mais competitivo.

Não são apenas as variações do cenário econômico que desafiam. Por isto é importante saber as principais tendências de mercado.

Confira 5 tendências para o setor:

1. Omnichannel

Tendência não apenas na indústria calçadista, mas para todos os segmentos de mercado, a abordagem de vendas multicanal é uma realidade em curso. Graças às tecnologias digitais, a jornada do consumidor passa por diferentes pontos de contato, tais como: redes sociais, site, e-mail, anúncios virtuais, entre outros canais de interação.

2. Fast Fashion

Outra tendência que vem se consolidando na indústria calçadista é o conceito de fast fashion. Trata-se da capacidade em atender as mudanças na demanda de clientes com o lançamento de novas coleções e produtos a preços razoáveis ou com ofertas imperdíveis.

Para isso, muitos varejistas apostam em coleções especiais em parceria com designers renomados e lojas que alcancem o seu público-alvo ideal.

3. Parceria entre a indústria e o varejo

Construir parcerias de longo prazo é outra tendência para indústria calçadista. É preciso investir em relacionamentos estratégicos duradouros, em que todas as partes possam colaborar com o desenvolvimento das empresas e compartilhar os benefícios dessa parceria.

4. Otimização de processos

A otimização de processos é outra estratégia que as empresas do ramo calçadista devem implementar. Isso porque a tática permite simplificar os procedimentos operacionais da companhia sem perder a qualidade na entrega. Assim, é possível reduzir custos, agilizar a produção e diminuir erros.

5. Consolidação e formalização do setor

A tendência é que o setor se consolide e formalize suas operações, de modo que possam expandir suas atividades e, dessa maneira, aumentar seus ganhos. O o mercado tem preferência por empresas que atuam dentro das conformidades a fim de consolidar parcerias estáveis e duradouras. Portanto, companhias que não se adaptarem às exigências fiscais poderão desperdiçar valiosas oportunidades de negócios.

Fonte: Blog Check List Fácil